1

O ar das cidades| habitações é tóxico…

 

Captura de ecrã 2015-05-27, às 13.43.36

Segundo a OMS, mais de sete milhões de pessoas morrem por ano devido à contaminação do ar urbano e do interior dos edifícios.

Em Março de 2014 a OMS informou que mais de sete milhões de pessoas morrem por ano devido à contaminação do ar urbano e do interior dos edifícios. (230.000 na Europa, onde a morte por acidentes de tráfico ronda os 20.000).

A OMS denuncia que se trata do maior risco ambiental sobre a saúde. Por outro lado, a percepção geral contradiz tal sentença por falta de hábito, falta de informação e porque os nossos sentimentos não o percebem (não se cheira, nem se vê). A OMS reuniu um grande número de especialistas para desenvolver o programa chamado “Global Burdem of Disease”, que conclui que a contaminação do interior dos edifícios é apenas o quarto fator de risco previsível, atrás da hipertensão arterial, do tabaco e do álcool, enquanto que a contaminação particulada das cidades é o nono, à frente da falta de exercício e do colesterol. Continuar a ler