0

Plantas em casa: o elemento decorativo que também purifica o ar

As plantas naturais são a única peça decorativa natural que tem benefícios incontestáveis na saúde do ambiente de cada espaço, contradizendo o mito enraizado na opinião comum de que ter plantas em casa é prejudicial para a saúde. É importante desmistificar esta ideia, por casas mais bióticas e saudáveis. Continuar a ler

3

Relação causal entre a poluição do ar e a doença de alzheimer

185463297.jpg

POLUIÇÃO DO AR AFETA O CÉREBRO E PODE CONTRIBUIR PARA A DOENÇA DE ALZHEIMER

Pela primeira vez, uma investigação encontra nanopartículas de poluentes em tecido cerebral

A má qualidade do ar já foi associada a uma maior incidência de problemas cardiovasculares e respiratórios, mas um novo estudo indica que ela também pode estar relacionada ao desenvolvimento de doenças neurodegenerativas como a doença de Alzheimer. Continuar a ler

0

Possíveis efeitos da atividade solar e geomagnética na esclerose múltipla

tempestade-geomagnetica-solar-sol-terra.jpg

 

Leia com atenção este estudo científico publicado em Julho, na revista científica “Clinical Neurology & Neurosurgery”, o qual conclui que a atividade geomagnética solar pode constituir um fator de risco ambiental para a esclerose múltipla.

Fonte: www.clineu-journal.com/article/S0303-8467(16)30157-3/abstract

0

Estudo inglês afirma que a vida moderna está a matar os nossos filhos – taxa de cancro sobe 40% nos últimos 16 anos

Kids-playing-on-digital-tablet-device.jpgTAXA DE CANCRO, NO REINO UNIDO, NOS JOVENS SOBE 40% NOS ÚLTIMOS 16 ANOS

Muitas das conclusões apontadas neste estudo vão ao encontro do que a “Habitat Saudável®” defende como necessário para ter uma vida saudável e plena. Neste sentido muitas das causas apontadas para tal problemática estão associadas a fatores de ordem ambiental tidos em conta nos projetos de arquitetura e consultorias a espaços edificados que a Habitat Saudável desenvolve.

De acordo com um estudo realizado em Inglaterra e publicado no prestigiado jornal “The Telegraph” a vida moderna está a matar as nossas crianças, com o número de jovens com diagnóstico de cancro a subir 40% nos últimos 16 anos por causa de fatores variados tais como a poluição do ar, as radiações, os campos eletromagnéticos, as dietas alimentares pobres, etc. Continuar a ler

0

O impacto dos edifícios no desempenho cognitivo

Captura de ecrã 2016-09-3, às 13.36.50.png

ESTUDO DEMONSTRA O IMPACTO QUE A QUALIDADE DO AR INTERIOR, EM ESCRITÓRIOS, TEM NO DESEMPENHO CEREBRAL/COGNITIVO

O ambiente interior em que trabalhamos diariamente, durante vários anos, desempenha um papel critico na nossa saúde e bem-estar. Na verdade, gastamos cerca de 90% do nosso tempo “enclausurados” dentro de quatro paredes sendo que os ambientes fechados podem influenciar, dependendo das condições que apresentam, positiva ou negativamente a saúde dos seus utilizadores.

Na verdade a qualidade do ar interior, bem como os elevados padrões energético-ambientais dos edifícios, ambientes sãos e em equilíbrio com a natureza são alguns dos pilares do nosso bem-estar habitacional e que a Habitat Saudável® defende nos seus projetos com vista à melhoria da saúde e bem-estar dos seus utilizadores.

Continuar a ler

0

O uso do smartphone no bolso das calças ou no quarto durante a noite e a relação com a qualidade do esperma/infertilidade – NOVAS EVIDÊNCIAS

Captura de ecrã 2016-03-5, às 18.07.28.png

ESTUDO REVELA QUE NÍVEIS DE ESPERMA DE HOMENS, QUE TÊM OS SEUS TELEMÓVEIS NOS BOLSOS DAS CALÇAS, DURANTE O DIA, SÃO SERIAMENTE AFETADOS

Os telemóveis e a sua relação com a fertilidade masculina é um tema que tem sido amplamente explorado nas últimas décadas. Ainda que existam vários estudos que demonstrem que ter um smartphone/telemóvel na proximidade dos genitais afete a qualidade do esperma, ainda nenhum organismo oficial obrigou a que os fabricantes advirtam os seus utilizadores relativamente a este risco.

O último estudo científico que analisa este problema foi desenvolvido por uma equipa de investigadores altamente respeitados da “Technion University de Haifa”, onde analisaram durante 12 meses os hábitos relativos à utilização de telemóveis em 100 homens; para tal iam a uma clinica de fertilidade para conhecer a qualidade do seu esperma. Continuar a ler

0

Novo estudo relaciona radiação de antenas de telemóvel ao aumento da diabetes

file-26-mobile-tower.jpgUm renomado professor da “Universidade King Saud” (KSU) alertou para o perigo da radiação das antenas de telemóvel, afirmando que as emissões de radiação das antenas pode causar muitos riscos para a saúde.

Num novo estudo o professor, da Faculdade de Medicina da KSU, Sultan Ayoub Meo prova pela primeira vez que a radiação das torres causa Diabetes mellitus .

O estudo deste investigador foi publicado no “International Journal of Environmental Research and Public Health”, uma respeitável revista científica Suíça; neste estudo afirma que “este é o primeiro estudo adicionado à literatura científica mundial sobre a radiação e a sua ligação com a diabetes mellitus tipo 2”. Continuar a ler

0

Stress Geopático – uma ameaça para o ambiente construído…

origen-naturalLeia com atenção este excelente artigo científico sobre a influência das geopatias na saúde humana.

Lembre-se que uma Geopatia (“Geos – Terra” e “Pathos – doença”) refere-se a um excesso, potencialmente prejudicial para a saúde, das radiações naturais que se registam num dado terreno. Este excesso pode ser provocado por alterações geológicas ou por alterações magnéticas e inclusive agravar-se, ainda mais, pela radiação de origem artificial que satura cada vez mais o nosso meio ambiente. Continuar a ler

0

Relação do Gás Radón acumulado nas habitações e o cancro do esófago

Microcarcinoma do esófago

Microcarcinoma do esófago

INVESTIGADORES DO LABORATÓRIO DE RADÓN DA GALIZA DA UNIVERSIDADE DE SANTIAGO DE COMPOSTELA (USC) CONFIRMARAM A RELAÇÃO EXISTENTE ENTRE O CANCRO DO ESÓFAGO E ELEVADOS NÍVEIS DE CONCENTRAÇÃO DE GÁS RADÓN EM HABITAÇÕES

O estudo publicado no “International Journal of Radiation Biology”, conseguiu demonstrar uma relação directa entre a acumulação de gás residencial e a mortalidade por esta doença, ou seja, os municípios da Galiza com maior concentração de radón nas habitações apresentam também um maior índice de mortalidade por cancro de esófago entre os homens. Continuar a ler

0

Efeito nefasto das zonas de stress geopático na frequência cardíaca e tensão arterial…

Tensao_Arterial_Frequencia_CardiacaESTEJA ATENTO AOS SINAIS EM SUA CASA…

NÓS AJUDAMO-LO A SABER SE ESTÁ A VIVER SOB UMA GEOPATIA

Um estudo publicado no “Jornal Indiano de Ciência e Tecnologia” relaciona as zonas de stress geopático com variações na pressão arterial e na frequência cardíaca. Este estudo mostra-nos que as pessoas que se encontram expostas a zonas geopatogénicas podem sofrer sinais de fadiga, esgotamento, depressão, nervosismo, dores de cabeça, formigueiros nos braços e pernas, assim como degradação do sistema imunitário. Continuar a ler